The Artist (2011)

O Artista (2011) Direção: Michel Hazanavicius. Com: Jean Dujardin, Bérénice Bejo, John Goodman, James Cromwell. França/Bélgica, 100 min.

‎”Fale! Fale!”. Logo nas cenas iniciais é exposto um dos dilemas centrais de The Artist. Ao narrar a transição do cinema silencioso para o falado a partir da trajetória de um importante artista, a obra constrói uma bela homenagem ao cinema – envolto em uma história de amor. Penso que para quem não está acostumado com obras em preto-e-branco e principalmente com o cinema silencioso (ainda que exista sons) terá que ter paciência se quiser ver o filme. Ainda assim, é uma obra muito interessante lançada nesta época de explosão de imagens, cores e sons, no universo 3D. Para o espectador atento é possível tecer uma série de semelhanças com outras obras clássicas como Cantando na Chuva e Crepúsculo dos Deuses, além de citações cinematográficas como a musicais da década de 1930, filmes de Chaplin e até Vertigo (na trilha sonora). É para ver com os ouvidos atentos!

MaccAvaliação: 9 (para quem gosta de cinema silencioso, homenagens ao cinema, cães astros e histórias de amor).

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: