Archive for the Cinema e Antiguidade Category

7º Ciclo de Cinema Histórico: Relíquias cinematográficas da antiguidade

Posted in Ciclo de Cinema Histórico, Cinema e Antiguidade, Drama on 11/03/2009 by cinemacc

viii-ciclo1

Quando o pessoal ouve falar de um Ciclo de Cinema Histórico de imediato vem à pauta o que seria o cinema histórico? Pois bem, nosso projeto utiliza a definição histórico, no sentido de apontar a relevância temática e cinematográfica da produção, pensando ela enquanto obra de arte rica em significações e significados. Desse modo, o nosso “cinema histórico” abrange muito mais que o gênero que proporciona esses tipos de dúvidas e perguntas.Mas se considerarmos um cinema histórico, como gênero, definido pelos padrões de produção seja hollywoodiano, europeu ou de outra região, devemos considerar a abordagem da história em um filme. E um campo fértil disso que falei é a antiguidade.

Este ciclo teve uma média de público bastante inferior ao anterior – sobre Intolerância e Resistência, que teve 48 pessoas por sessão, enquanto Relíquias Cinematográficas da Antiguidade teve 17 em média. O que poderia ser uma justificava para a baixa audiência – o ano de produção e o tema, é justamente o elemento que nós pensamos ser o que qualificou o evento, já que as obras exibidas são bastante raras para locação, e além de serem representações do tempo da história, refletem também o tempo da produção dos filme (a sua maioria fazendo alusão à Guerra Fria). Quem não acompanhou as sessões de antiguidade perdeu grandes comentários e épicas exibições!

Abaixo os filmes da antiguidade ocidental exibidos:

24 de Agosto de 2006, 19h
Helen of Troy (Helena de Tróia)
Direção: Robert Wise.
Estados Unidos/Itália, 1956, 118 min.
Com: Rossana Podestà; Jacques Sernas; Cedric Hardwicke; Stanley Baker; Niall MacGinnis; Torin Thatcher; Brigitte Bardot.
Comentários: Vanessa Quintana; Libiane Lima.
Sinopse: Adaptação da obra Ilíada de Homero. A história se centra na figura de Helena de Tróia (Podestà), que foge da Grécia, com seu amor, Paris (Sernas). Mas esta atitude gera entre os gregos um sentimento de traição que provocará um ataque grandioso à Tróia.
Macc Avaliação: 7

25 de Agosto de 2006, 19h
Ulysse (Ulysses)
Direção: Mario Camerini; Mario Bava.
Itália, 1954, 104 min.
Com: Kirk Douglas; Silvana Mangano; Anthony Quinn; Rossana Podestà; Jacques Dumesnil; Daniel Ivernel.
Comentários: Cirilo Nunes da Silva.
Sinopse: Adaptação da Odisséia de Homero. Ulisses (Douglas) é condenado a uma jornada através do mar depois da Guerra de Tróia, onde enfrenta diversos adversários no seu caminho para rever a sua esposa Penélope. Em sua terra, ele deverá encontrar e enfrentar seu último desafio.
Macc Avaliação: 7

31 de Agosto de 2006, 19h
Alexander, the Great (Alexandre, o Grande)
Direção: Robert Rossen.
Estados Unidos/Espanha, 1956, 141 min.
Com: Richard Burton; Fredric March; Claire Bloom; Danielle Darrieux; Barry Jones.
Comentários: Piero Tessaro.
Sinopse: Alexandre (Burton) é um homem perturbado pelo conflito entre a elevada sabedoria de seu professor, Aristóteles (Jones), a lealdade a seu pai (March), um guerreiro, e seu próprio grandioso desígnio de dominar o mundo. Em um mundo turbulento de política conturbada, este jovem ambicioso ergue-se acima de todos os conflitos a fim de juntar os continentes da Europa e Ásia e tornar-se uns dos maiores e mais famosos governantes de todos os tempos.
Macc Avaliação: 6

1º de Setembro de 2006, 18h30min.
Spartacus (Spartacus)
Direção: Stanley Kubrick.
Estados Unidos/Inglaterra, 1960, 197 min.
Com: Kirk Douglas; Laurence Olivier; Jean Simmons; Charles Laughton; Peter Ustinov; John Gavin; Woody Strode; Tony Curtis.
Comentários: Icaro Bittencourt; Alexandre Maccari Ferreira.
Sinopse: Baseado em história de Howard Fast, o filme centra-se na figura do rebelde Spartacus (Douglas), que se tornou um destemido gladiador, liderando a revolta dos escravos contra Roma. Em meio a este conflito está Varinia (Simmons), a mulher que acreditou em sua causa.
Premiações: Academy Awards®: Ator Coadjuvante (Peter Ustinov); Direção de Arte em Cores; Fotografia em Cores; Figurino em Cores. Indicado: Edição; Trilha Sonora. BAFTA: Indicado Filme Estrangeiro. Golden Globes®: Melhor Filme – Drama. Indicado: Diretor; Ator (Laurence Olivier); Ator Coadjuvante (Peter Ustinov); Ator Coadjuvante (Woody Strode); Trilha Sonora
Macc Avaliação: 10

04 de Setembro de 2006, 19h
Cleopatra (Cleópatra)
Direção: Cecil B. DeMille.
Estados Unidos, 1934, 100 min.
Com: Claudette Colbert; Warren William; Henry Wilcoxon; Joseph Schildkraut; Gertrude Michael; Ian Keith.
Comentários: Vitor Otávio Fernandes Biasoli
Sinopse: Retrato da vida de Cleópatra (Colbert), grande rainha egípcia que, para manter seu império, envolveu-se com dois imperadores romanos, Júlio César (William) e Marco Antônio (Wilcoxon). A obra expõe a ascensão e o declínio dela, e sua luta para defender o império das ambições políticas e territoriais de Roma.
Premiações: Academy Awards®: Melhor Fotografia. Indicado: Filme; Diretor Assistente; Edição; Trilha Sonora.
Macc Avaliação: 8,5

05 de Setembro de 2006, 17h30min.
Ben-Hur (Ben-Hur)
Direção: William Wyler.
Estados Unidos, 1959, 203 min.
Com: Charlton Heston; Jack Hawkins; Haya Harareet; Stephen Boyd; Hugh Griffith.
Comentários: Marlete Golke.
Sinopse: Na Judéia invadida pelos conquistadores romanos, o príncipe Ben-Hur (Heston) tenta conduzir seu povo rumo à liberdade. Mas isso gera um conflito de interesses com o seu amigo de infância, Messala (Boyd), agora um severo comandante dos exércitos de Roma. Preso, o príncipe é enviado para trabalhar como escravo, longe de suas terras e da família, o que acaba por o transformar em um guerreiro disposto a enfrentar seus inimigos e reestabelecer a paz.
Premiações: Academy Awards®: Melhor Filme; Diretor; Ator (Charlton Heston); Ator Coadjuvante (Hugh Griffith); Direção de Arte em Cores; Fotografia em Cores; Figurino em Cores; Edição; Efeitos Especiais; Som; Trilha Sonora. Indicado: Roteiro – Adaptado. BAFTA: Melhor Filme em Língua Estrangeira. Golden Globes®: Melhor Filme – Drama; Diretor; Ator Coadjuvante (Stephen Boyd); Prêmio Especial (Andrew Marton). Indicado: Ator – Drama (Charlton Heston). Grammy: Indicado Trilha Sonora.
Macc Avaliação: 9

06 de Setembro de 2006, 19h
The Robe (O Manto Sagrado)
Direção: Henry Koster.
Estados Unidos, 1953, 133 min.
Com: Richard Burton; Jean Simmons; Victor Mature; Michael Rennie; Jay Robinson; Richard Boone.
Comentários: Vitor Otávio Fernandes Biasoli; Alexandre Maccari Ferreira.
Sinopse: Marcellus Gallio (Burton) é um centurião romano encarregado de supervisionar a crucificação de Jesus Cristo. Mas quando ele ganha o manto de Cristo em um jogo de azar ao pé da cruz, sua vida sobre grandes mudanças. Este foi a primeira obra exibida em CinemaScope.
Premiações: Academy Awards®: Melhor Figurino em Cores; Direção de Arte em Cores. Indicado: Filme; Ator (Richard Burton); Figurino em Cores. Golden Globes®: Melhor Filme – Drama.
Macc Avaliação: 8

12 de Setembro de 2006, 19h
Il Vangelo Secondo Matteo (O Evangelho Segundo São Mateus)
Direção: Pier Paolo Pasolini.
Itália/França, 1964, 120 min.
Com: Enrique Irazoqui; Margherita Caruso; Susanna Pasolini; Marcello Morante; Mario Socrate.
Comentários: Cristine Koehler Zanella.
Sinopse: A vida de Jesus Cristo segundo o diretor ateu Pasolini. A história segue o evangelho de Mateus, começando com o nascimento e ilustrando como seus ensinamentos atraíram não apenas discípulos, mas multidões de fiéis. A obra segue a conhecida história, passando pela pregação, prisão e crucificação de Cristo.
Premiações: Academy Awards®: Indicado: Figurino em Preto-e-Branco; Direção de Arte em Preto e Branco; Trilha Sonora. BAFTA: Indicado Prêmio UN. Venezia Awards: Prêmio OCIC (Pier Paolo Pasolini); Prêmio Especial do Júri. Indicado Leão de Ouro.
Macc Avaliação: 8,5

13 de Setembro de 2006, 18h30min.
Quo Vadis (Quo Vadis)
Direção: Mervin LeRoy.
Estados Unidos, 1951, 171 min.
Com: Robert Taylor; Deborah Kerr; Leo Genn; Peter Ustinov; Patricia Laffan.
Comentários: Paula Rafaela da Silva.
Sinopse: General Marcus Vinicius (Taylor) retorna à Roma e encontra a cristã Lygia (Kerr), por quem se apaixona. No entanto ela quer envolvimento com ele. Marcus procura o imperador Nero (Ustinov) para que ela lhe seja dada como prêmio por “serviços prestados”. Enquanto isso as atrocidades de Nero são cada vez mais ultrajantes, especialmente contra os seguidores do cristianismo, fé pouco a pouco abraçada por Marcus, depois que ele se aproxima Lygia e sua família.
Premiações: Academy Awards®: Indicado Filme; Ator Coadjuvante (Leo Genn); Ator Coadjuvante (Peter Ustinov); Direção de Arte em Cores; Figurino em Cores; Fotografia em Cores; Edição; Trilha Sonora. Golden Globes®: Melhor Ator Coadjuvante (Peter Ustinov); Fotografia em Cores. Indicado: Filme – Drama.
Macc Avaliação: 7,5

25 de Setembro de 2006, 19h
Fellini-Satyricon (Satyricon de Fellini)
Direção: Federico Fellini.
Itália/França, 1969, 120 min.
Com: Martin Potter; Hiram Keller; Max Born; Salvo Randone; Mario Romagnoli; Capucine; Alain Cuny.
Comentários: André Vinicius Jobim; Viviane Bandinelli.
Sinopse: Adaptação do livro homônimo de Petrônio. A obra é uma crônica da vida na Roma antiga. Encolpio (Potter) e seu amigo Ascilto (Keller) disputam o afeto do jovem Gitone (Max Born). Quando Encolpio é rejeitado, ele começa uma jornada na qual encontra todos os tipos de pessoas e de acontecimentos, entre eles uma orgia e um desfile de prostitutas na Roma antiga. Durante a orgia, organizada por Trimalchio (Romagnoli), encontra um ex-escravo que menosprezou a mulher em troca de prazeres oferecidos por um jovem garoto. Obra-prima de Fellini, mas de difícil compreensão para quem não conhece o livro em que foi baseado o filme.
Premiações: Academy Awards®: Indicado Diretor. Golden Globes®: Indicado Filme em Língua Estrangeira.
Macc Avaliação: 9

ciclos-7

Amanhã o oitavo ciclo de cinema: Dos tomos às telas.

Anúncios